Feedback: um poderoso aliado para lidar com problemas de relacionamento no trabalho

É fácil imaginarmos a existência de conflitos no ambiente de trabalho empresarial, já que as relações interpessoais são, por vezes, diretas e constantes. No meio empresarial, principalmente por envolver um número maior de pessoas, problemas de relacionamento são muito comuns e podem, inclusive, afetar a produtividade dos funcionários. Para que essa problemática não alcance uma proporção maior e acabe colocando em risco os resultados almejados por uma empresa, é preciso lidar rapidamente com a questão.

chefe irritado

Em vista disso, para tornar o clima organizacional mais harmonioso, os gestores e líderes desempenham papel fundamental, sendo os maiores  responsáveis pela manutenção da união da equipe.  Para tanto, felizmente, existe uma maneira simples e relativamente fácil de ser executada: o  uso do feedback.

Dar um feedback, consiste, basicamente, em reportar a alguém uma crítica, seja positiva ou negativa, sobre alguma ação que essa pessoa realizou. Sendo feito da maneira correta, um feedback contribui diretamente para os resultados da organização.

No caso dos problemas de relacionamento dentro de uma empresa, cabe ao gestor ou líder estabelecer o hábito de, sempre que necessário,  falar com seus funcionários sobre as possíveis atitudes que ele identificar como não condizentes com o ambiente de trabalho.

Mas como dito anteriormente, existe uma forma correta de fazer isso para que se alcancem os objetivos esperados. Seguem algumas regras essenciais que devem ser respeitadas:

  1. Sempre comece o diálogo falando sobre aspectos positivos que a pessoa apresenta. Dessa forma, ela se sentirá menos intimidada e mais aberta a ouvir o que você têm a dizer;
  2. Seja assertivo na hora de apontar as questões ou problemas que deseja tratar. Exemplificar com fatos que aconteceram pode ajudar a tornar a  questão mais palpável;
  3. Saiba escutar. Ouvir o que a outra pessoa tem a dizer fará com que você tenha maior compreensão da situação e sempre ajuda na construção de uma solução conjunta;
  4. Jamais tenha esse tipo de conversa em um local que outras pessoas irão escutar. É importante que o feedback seja feito de forma privada, para evitar que o funcionário se  sinta constrangido diante os colegas de trabalho.
Designed by Dooder - Freepik.com

Designed by Dooder – Freepik.com

Como mencionado na primeira regra, também é importante que um líder saiba valorizar as boas atitudes de seus  funcionários. Ao elogiá-los, além de aumentar as chances de que esse comportamento volte a acontecer, o líder estará elevando a autoestima do trabalhador e, consequentemente, elevando sua produtividade e empenho. Por isso, se um feedback gerar resultados positivos, é interessante que o gestor reconheça a mudança.

Por último, é preciso reiterar que um feedback é sempre uma via de mão dupla, pois é preciso falar, mas também é preciso saber ouvir. Afinal, gestores também são humanos e podem errar, por isso, também devem se mostrar abertos a receber críticas e opiniões de seus colaboradores. Um bom líder,é aquele que cresce junto de sua equipe!

Júlia Mendes

Pós-júnior da RH Consultoria Júnior – UFMG

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *